Beijo-te-me

Beijo-te-me é a história de duas gotas de água que ao caírem, se encontram no ar.
Nesse encontro partilham o toque suave de um beijo.
Ao sentir-te, sinto-me.
Ao beijar-te sou beijada.
Ao descobrir-te, descubro-me
Ao querer-te, quero-te-me.
Como é feito
Onde me inspiro
O prazer do barro
Ficha Técnica
A cor e a forma, por ser um produto artesanal pode e deve apresentar diferenças da imagem.

250.00

Descrição

Beijo-te-me é a história de duas gotas de água que ao caírem, se encontram no ar. Nesse encontro partilham o toque suave de um beijo. Esse toque abre um imenso universo que é o encontro do outro e através dessa encontro a descoberta de nós mesmo que se revela ao descobrir o outro. Eternos recomeços de efémeras vivências.
Ao sentir-te, sinto-me.
Ao beijar-te sou beijada.
Ao descobrir-te, descubro-me
Ao querer-te, quero-te-me.

Como é feito
Com uma placa de barro a que se chama lastra que é modelada de forma artesanal. Sigo todos os passos até a sua forma final. Depois de bem seco o barro, a sua primeira cozedura. De seguida é pintada com tintas próprias, os vidrados e vai novamente ao forno à temperatura de fusão do vidro que neste caso é 1000º.
O barro é um material generoso e terno que se deixa deformar e mantém o movimento nele impresso. Mas também é matéria caprichosa e sensível que exige ser respeitado em todo o seu processo de modelação, no seu tempo de secagem e modo de cozedura, caso contrário será de insucesso o resultado.
É uma alquimia o fogo que coze o barro e o transforma em cerâmica. Fica de tal forma resistente que é com  ele que se permite a cultura na arqueologia de tantas civilizações.

Onde me inspiro
Nem sempre sei o que vou fazer ao entrar na oficina. Por vezes são imagens que retenho de emoções vividas, de objectos que gostei, de uma galeria ou museu que me deu novas inspirações de como materializar emoções.
Beijo-te-me chegou a mim vinda por esse processo. Peguei no barro e a obra foi aparecendo, foi-se materializando e revelando, sendo eu por vezes, expectadora de mim mesmo no acto criativo.

O prazer do barro
As peças feitas em cerâmica transportam também na sua natureza os quatro elementos: o ar, o fogo, a terra e a água. Assim a presença de obras em cerâmica no design de interiores, harmonizam o espaço habitado, deixando as pessoas mais receptivas e confiantes. https://pt.wikipedia.org/wiki/Feng_shui
Esta colecção de cerâmica de autor, modelada de forma artesanal com expressão contemporânea, são peças especiais e que confere bem-estar e harmonia à sua casa. Nesta colecção existem outras peças que convido a visitar:
Portfolio
Namoro Gémeos
Gato Mia
Flor Grande de Chão
Galinha Anastácia
Pássaro Alberto
Conheça também mais obras minhas em: Obras da autora Alice Diniz

Estas obras são um óptimo presente para oferecer ou para ter em casa.
Por ser um trabalho totalmente artesanal e manual as formas e cores podem ter variações das apresentadas nas imagens.

Ficha Técnica
Esta obra tem a seguinte ficha técnica:
– Materiais: barro branco, vidrado.
– Técnica:  Modelação escultórica artesanal
– Peso: 1.5kg
– Cores disponíveis: branco

Informação adicional

Peso1.5 kg
Dimensões (C x L x A)40 × 20 × 40 cm